Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...





O blog “Cidadania” é um dos meus preferidos no mundo da blogosfera. Durante anos habituei-me a visitá-lo diariamente e coloquei-o como um dos mais lúcidos e pragmáticos focos de opinião deste concelho. Na verdade gostaria de conhecer o “célebre” JJJ porque tenho a certeza de que passaríamos umas horas em modo de animada "cavaqueira".

Nem sempre concordei com o que por lá foi escrito… mas sempre apreciei a frontalidade e sobretudo a fina retórica que o (ou os) autor utiliza. Contudo fiquei chocado quando aquele blog considerou Fernando Serpa como o "único" político deste concelho. Não pela consideração em si, mas mais pelo timming. Numa altura em que Portugal inicia uma emancipação democrática e coloca em causa todos os políticos forjados na podridão dos partidos (que, é bom lembrar, nos colocaram neste beco sem saída), considerar Serpa sequer um político é ultrajante… quanto mais o único.

Mas afinal o que é um político neste nível autárquico? Se pensarmos bem no percurso de Fernando Serpa vamos encontrar mais de 15 anos de nulidade… nem uma proposta, nem uma ideia, nem uma coerência. Mesmo após a derrota de Lisete Romão nas últimas autárquicas, altura em que se lançou de dentes afiados à corrida pela sua cadeira dourada, nada mais vimos do homem do que o “bê-à-bá” da política rançosa: localização de farmácias, ALISUPER, cabos de alta-tensão, Viga d’Ouro e orçamentos sem assunto. A mensagem de Serpa para o concelho é a mesma da “pitinha” de 18 anos que concorre a Miss-Universo e diz que o seu maior desejo é “acabar com a fome do mundo”.

Tenho a certeza que Fernando Serpa será um bom advogado, um bom pai, um bom chefe de família… mas como político!!!!! Tenham paciência! É tão óbvio o que o move, é tão óbvio que pisará quem tiver que pisar para lá chegar, é tão óbvio que o que menos lhe interessa é o concelho de Silves e os silvenses que me deixa amargurado ler aquele tipo de elogios.

O PS Silves tem gente muito boa. Muito boa mesmo! Gente que não entra nestas demagogias, nestes joguetes… gente séria, que provavelmente estará tão desiludida quanto eu. Infelizmente essa gente não consegue passar a mensagem, agachasse perante este sistema viciado que nos coloca no boletim de voto o pior dos fulanos. E com razão… porque até aqui os bons nada conseguiram.

Mas os tempos mudam. É visível. Os socialistas deste concelho podem entender isso e mudar também. ACORDEM!!!

PS: Quanto ao blog “Cidadania”, é evidente que respeito a opinião… apenas não concordo, mas continuará a ser uma paixão minha.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 23.09.2012 às 01:26

O Cidadania irrita-me por causa daquela música deprimente que toca e abafa os videos

Comentar post





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...