Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...





Tal como escrevi aqui a 4 de Julho era uma questão de tempo até que o “cruzamento da morte” fizesse mais vitimas. Recebo hoje a notícia de que uma pessoa faleceu vitima de mais um acidente nesse dito cruzamento.

 

 

 

De certeza que a culpa por mais este homicídio por negligência vai morrer solteira. A Câmara de Silves vai continuar a alegar que a responsabilidade da estrada é do Estado e o Estado vai dizer que a situação está em estudo. A vida perdida já ninguém a trás de volta… essa é que é essa.

 

Temos uma rotunda “estúpida e inútil” em frente ao Café dos Caçadores (que só serve para a GNR encostar e passar umas multas) e no sítio mais problemático não há rotundas nem semáforos. Reforço por isso a minha admiração pelo Presidente da Câmara de Albufeira que, apesar da estrada de Albufeira – Ferreiras ser responsabilidade estatal, mandou lá colocar duas rotundas e com isso acabou com um dos principais pontos negros do Algarve e salvou algumas vidas, seguramente.

 

Continuo a insistir que este tipo de coisas só acabam quando alguém for parar atrás das grades…

 

Os meus sentimentos aos familiares da vitima.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Joaquim Santos a 27.08.2007 às 22:01

Exº Senhor

Ao ler o seu post faz recordar a rotunda de Pêra e muitas outras que há nesse Algarve.
Em relação a Câmara entendo a atitude desta por muitas razões.
1º se não tem dinheiro pode perfeitamente delegar a responsabilidade na IEP para ser esta a por a rotunda, e como esta está em contenção culpa o Governo.
2º Se a Câmara só se interessa pelos idosos e estes já não possuem carta por isso a colocação de rotunda e irrelevante.

Acredito plenamente que a Srª presidente quando quer as coisas ela faz sem olhar a meios, podia alegar inúmeras clausulas desde interesse publico concelhio ( não sei se existe essa figura jurídica) ou segurança publica, sei lá. Com tantos juristas quer na Câmara como assessores , como advogados em Lisboa ninguém tem conhecimentos para arranjar alguma coisinha ?
Estranho é que se Albufeira faz, Portimão faz a maior parte dos municípios fazem e preferem sujeitar a multas ou penalidades do estado do que fazer sofrer os seus munícipes. Esta autarquia prefere a outra alternativa, tem o seu direito pois fomos nós que a elegemos.
Só é pena não haver nenhuma associação de cidadão apartidários que lutem por aqueles que sem conhecimentos se resignem as situações, de verem os seus filhos serem mortos ou feridos e ninguém ser responsabilizados. É a nossa cultura arcaica e egoísta.
Nos países europeus e Estados Unidos há associações para responsabilizar os políticos e entidades pelas sua acções. E obrigam este a terem actuações mais acauteladas.
Exp. Qual foi o politico que foi culpado por não ter criado politicas de fiscalização e de segurança para os portugueses?
Com os melhores cumprimentos
Joaquim Santos

Comentar post





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...