Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...





Um dia normal

29.01.10

 

Ontem tinha tudo para ter sido um dia normal. Sai de casa à hora do costume e ao chegar ao local de trabalho deparo-me com um enorme aparato policial junto de um balcão bancário em plena EN 125. Soube depois que poucas horas antes o banco tinha sido assaltado “à americana”, com um “bulldozer” a servir de arma para arrombar a parede e arrancar o ATM.
No escritório surgem-me relatos de assaltos que me chamam a atenção por saírem um pouco fora do normal. Na Guia assaltaram um apartamento com as pessoas lá dentro, roubaram o carro e todo o recheio da casa.
Mais tarde saio do trabalho e ao chegar a casa a Brigada de Trânsito controlava, ao seu estilo (escondidos para enganar o automobilista), a velocidade. Mais à frente a barreira que ensinava todos os “bandidos” a não passar dos 70 Km/h numa recta com excelente visibilidade e sem habitações por perto… um verdadeiro crime!!
Já em casa surgem os relatos de vizinhos assustados com notícias de que mais casas foram assaltadas e vandalizadas durante a noite. Ligo a televisão e vejo um nosso conterrâneo a queixar-se de que o Ministério Público resolveu arquivar uma queixa contra uns indivíduos que abasteceram no seu posto de combustíveis e fugiram sem pagar. “Não houve crime, o combustível está à disposição das pessoas e é aceitável o pagamento… mais tarde!” já no telejornal o nosso mesmo conterrâneo volta a surgir pelas piores razões… as bombas foram assaltadas por um gang. Levaram a máquina do tabaco e o cofre com cerca de € 10.000 euros. Desligo a televisão e abro um livro… um livro técnico para que não apanhe com mais crimes e assaltos.
Antes de me deixar dormir dou comigo a pensar: Mas que Estado é este que nos “rouba” metade do que ganhamos e ainda assim não é capaz de impedir que bandidos nos roubem a outra metade?!
Alguém por favor organize uma manifestação a sério… e contem comigo. Estou farto desta merda!

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Tonnyy a 30.01.2010 às 12:21

Boa! Assim é que é falar!!!
Imagem de perfil

De manuelfernandes9 a 01.02.2010 às 02:26

Espero bem que o tema desse livro tecnico não seja relacionado com as offshores,porque pareçe que ainda é a unica maneira de segurares algum guito.

Comentar post





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...