Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...





Em plena situação de “aperto do cinto” é absolutamente incompreensível que se pare o país por causa da visita do Papa. O Governo não podia ter dado tolerância de ponto nestes dias prejudicando cidadãos e empresas. Em nenhum outro Estado civilizado e laico estas coisas acontecem.

Nem sequer falarei dos custos para o contribuinte desta visita, que são obviamente escandalosos. Nenhum outro chefe de Estado tem um aparato destes e um impacto tão profundo na vida do país sem justificação aparente.

Quando olho para as televisões e vejo as imagens da visita não posso deixar de pensar que o cenário parece a zona envolvente ao Pavilhão Atlântico em dia de grande concerto… é uma espécie de Papa Super Star! Ora o Papa é apenas e só um elemento da igreja nomeado por outros elementos da igreja dentro da mais alta esfera de poder que existe na religião (com tudo o que de negativo e perverso existe nela)… nada mais que isso. Eu até acredito em Deus, não acredito é que nenhum dos que escolheram o Papa, e o próprio Papa, O representem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.05.2010 às 15:05

Caro Paulo,
Cada vez aprecio mais o que escreve. Está a melhorar...é como o vinho do porto. Bem , irrita um bocado porque concordo com tudo o que disse.
As ruas da capital por onde o papa passou foram lavadas...os caixotes de lixo substituidos... enfim, o que ficou nas traseiras não importa, é como aquelas pessoas muito bem vestidas...mas que não tomaram duche... tanta riqueza e desperdicio, é uma afronta a todos os que lutam para que o salario chegue para o mês.
Por exemplo hoje não houve escola em portimão por isso uma das minhas funcionárias teve que trazer o filho para o escritório, não faz mal, as crianças não têm culpa, mas quantas pessoas tiveram a possibilidade de fazer o mesmo? então
deixaram os filhos sozinhos em casa, ou faltaram ao trabalho.
De tudo o que vi e li até hoje...Jesus cristo andava descalço. È nesse cristo que acredito.
Não perca a vontade de escrever.

Comentar post





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...