Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...





Há duas coisas que não mudam nunca neste país… o terrível medo da mudança que nos leva a preferir continuar no fundo do poço a arriscar o desconhecido e a curta memória das pessoas em relação aos vigaristas e aldrabões.

Por aqui se começa a escrever a vitória de Pirro que Sócrates terá no dia 5 de Junho. Campos e Cunha, Freitas do Amaral, Luís Amado, Mário Soares e até mesmo Teixeira dos Santos são nomes insuspeitos que já perceberam bem (uns de forma mais exposta que outros) que estamos entregues nas mãos de um louco e de todo o seu séquito, sequito esse que não arrisca ir para o “fundo de desemprego” nos tempos que correm e por isso se agarra com unhas e dentes ao “tacho”.

Existe ainda outra característica dos portugueses que é a de não pactuarem com oportunistas. Passo Coelho irá sofrer uma derrota histórica e será colocado na prateleira de ex-líderes do PSD ao lado de tantos outros, mas com uma nuance… de todos foi o mais imbecil! Cada gesto, cada discurso, cada opção tomada apenas com as eleições em vista foi um erro grosseiro. Os 12% que desceu nas sondagens têm um nome: Fernando Nobre. Os votos que Nobre teve nas presidências não são dele, tal como não eram de Manuel Alegre antes! Esses votos não são de ninguém… são o reflexo de pessoas que estão fartas de oportunismos e jogadas políticas… só mesmo um imbecil pensaria que essas pessoas iriam votar num candidato que entra sem pingo de vergonha nesses esquemas.

 

Mas voltemos a quem ainda nos governa e se tem concentrado em sacudir a água do capote… Ainda ontem o Jornal de Negócios demonstrava claramente mais uma mentira gravíssima deste Governo, verdadeiramente disposto a tudo para conservar algum controlo sobre o aparelho do Estado. Dizia o título “Governo anula défice com atrasos nos pagamentos e serviços em ruptura”… para os mais desatentos a propaganda que assistimos recentemente e que nos dava conta de um “superávit” no primeiro trimestre foi conseguida contabilizando as receitas todas e empurrando grande parte das despesas para o trimestre seguinte… ou seja, se eu este mês não contabilizar a conta da água, da electricidade, a renda da casa, a tv cabo, a escola dos miúdos, etc… fico com um saldo bancário porreiro… o problema é que no mês que vem não tomo banho, ando às escuras, o senhorio quer pôr-me na rua, não vejo televisão e os miúdos voltam para casa. É este o calibre da gente que nos governa, da mesma gente que conhecendo o estado em que estava o país aumentou os ordenados da função pública, negou os pagamentos nas SCUT e avançou para o aeroporto, o TGV, a 3ª auto-estrada Lisboa-Porto e a a 3ª ponte sobre o Tejo. IRRESPONSÁVEIS!!!! Esta gente deveria responder em tribunal por isto.

Completamente borrado de medo Cavaco assiste a tudo sem ser capaz de dizer mais do que acrónimos tipo “fê-ê-ê-fê”… não admira pois que 37% dos portugueses, de acordo com o barómetro Marketest, não saibam o que fazer!!! Eu não sei o que vou fazer! Votar em branco ou abster-me está fora de questão… acho aliás que os portugueses irão em massa votar porque têm consciência da importância destas eleições. Contribuir para a continuação deste modelo económico assente na protecção da banca, da especulação financeira e das privatizações de empresas que não devem sair das mãos do Estado também não posso… resta-me talvez algum consolo ideológico nas soluções de esquerda e terei apenas que decidir qual é mais fácil de digerir e útil para o país.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 21.04.2011 às 14:16

Fernando Nobre não acrescentou um único voto ao PSD e ainda conseguiu dividir o partido e unir o PS. Provavelmente foram os socialistas que o empurraram para os braços de Passos Coelho e este caiu outra vez como um patinho.

Comentar post





Comentários recentes

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...

  • Lucas

    Eu cá gostava mais das entrevistas do Serpa, reple...