Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem o PDF do livro?

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...



subscrever feeds



Este senhor acha que o Penedo Grande abusa da linuagem porca e obscena.

Nas autárquicas de 2005 Isabel Soares conseguiu 44,4% dos votos no concelho de Silves. O suficiente para ser reeleita como Presidente da Câmara. Não se discute que assim os silvenses o quiseram, nem tão pouco a legitimidade da vitória.
 
Em Messines e em São Marcos da Serra– e só estas duas freguesias me interessam – Isabel Soares teve 1.789 votos num universo de 8.736 inscritos. Lembro-me desse dia e da azáfama dos autocarros da CMS e os carros de campanha IS, já descaracterizados, a “carregar” eleitores até às “portas da vila”. Lembro-me também de nas semanas antes todos os recursos da autarquia terem sido postos ao serviço da campanha IS. Os outdoors a prometer a nova Escola Primária, o Jardim Municipal e a célebre Estalagem são um clássico. Por essa altura a estrada Silves – Messines foi “convenientemente” arranjada e os buracos da estrada Messines – Algoz “criteriosamente” tapados. Por todo o lado viam-se máquinas e homens da CMS a “trabalhar”. Um belo cenário.
 
Todo este esforço de campanha – nem discuto se legal ou não porque isso é responsabilidade dos partidos que concorreram às eleições – rendeu 35% de votos em Messines e 37% em São Marcos. Ou seja 65% e 63%, respectivamente, NÃO votaram em Isabel Soares, apesar de tudo isto e da fraca oposição que PS e CDU apresentaram nessa altura.
 
Isto tudo para dizer que não me calam com essa treta de os silvenses estão com Isabel Soares! Os silvenses até podem estar. Os de Messines e de São Marcos não estão com certeza. Sejamos sérios o suficiente para reconhecer que na Democracia portuguesa os Presidentes em funções têm sempre 10 pontos percentuais de avanço. Isto sem colocarem a “máquina” a funcionar.
 
PS. Acusam-me de ter uma linguagem imprópria aqui no meu blog. Sobre isso apenas digo: O blog é meu, só lê quem quer e falo como bem entender. Posso dizer os palavrões que quiser porque escrevo para mim, e para alguns amigos, sem pretensões de ter qualquer cargo ou responsabilidade na vida politica do concelho. Todos os que aqui vem devem ser adultos. Pudicos e “criancinhas” não devem ler este blog. Está feito o “disclaimer”.
A terminar relembro que, há 6 anos, numa Assembleia de Freguesia na Junta de Freguesia de Messines, Isabel Soares disse, e passo a citar: "Os abstencionistas são como os paneleiros!". Eu estava lá, sou testemunha, com uma sala apinhada de gente...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem o PDF do livro?

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...



subscrever feeds