Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem o PDF do livro?

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...



subscrever feeds



Recebi hoje uma convocatória “personalizada” para Assembleia Socialista de Silves. A data será 12 de Setembro e, para grande pena minha (que já tinha decidido dar a cara na próxima a que fosse chamado), não poderei estar presente por estar fora do país em trabalho (estarei em “Constantinopla”  entre 10 e 15 de Setembro).

Registo duas coisas:
- O discurso de unidade partidária que chega atrasadíssimo e demonstra uma falta de sensibilidade politica gritante,
- O envelope “esquisito” que obriga a dobrar a folha A4 como se fosse um “voto” e nos dá a ideia de que a carta foi enviada por pequenos “gnomos” que, alegremente, manufacturaram tudo aquilo,
De qualquer forma faz-se prova de que existiram duas reuniões, uma a 2 de Maio (da qual não fui informado por escrito porque provavelmente ainda não estava nos cadernos… justiça seja feita) e outra a 19 de Junho (que por “azar o meu” me apanhou de férias)… e isso fica aqui para conhecimento de todos. Nos dois casos o “presidente da Assembleia de Messines”, José Vítor Lourenço, teve o cuidado de me avisar e justiça lhe seja feita… como socialista e homem do partido ele não falha.
O que eu quero dizer quando falo na falta de comunicação com os militantes não é que se devam marcar mais reuniões (até porque estas 3 eram necessárias para legitimar a “trupe”). O que quero dizer é que os emails, os boletins informativos, as circulares e as newsletters são uma realidade essencial aos partidos modernos, dinâmicos e que almejam ganhar alguma coisa.
Registo com agrado o “autógrafo”, que guardarei para a posteridade.

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Imagem de perfil

De manuelfernandes9 a 11.09.2009 às 06:08

Com as devidas desculpas ao Paulo vou utilizar este espaço para comentar a apresentação publica da candidatura do João Carlos á Assembleia de Freguesia de S B Messines.
Não posso ficar indiferente á lição de democracia que assisti esta noite no Largo João de Deus principalmente pelo candidato a presidente,a sua humildade foi impressionante desde a colaboração pedida aos artistas da terra que provavelmente nem votam nele até ao seu discurso de unidade Messinense pela valorização da freguesia .Não vou comentar as partes negativas do evento porque toda a gente sabe que não é assim que se ganham eleições mas João continua porque Messines precisa de ti.Mais uma nota positiva para a Isabel que voluntariosa prestou outro grande serviço á eficácia da democracia...

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem o PDF do livro?

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...



subscrever feeds