Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem o PDF do livro?

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...





 

Já sei que as reacções a quente não são a “praxe” do bom politiqueiro mas dá-me ideia que o meu “camarada” José Sócrates se prepara para traduzir os seus actos naquela velha máxima do “Para não morrer, matou-se!”

Parece-me inevitável que o Governo caia. Não só porque manifestamente já não tem força nem condições para governar, mas sobretudo porque se torna cada vez mais evidente que toda esta situação que o país atravessa resulta, em grande medida, da gestão que fez nos últimos anos.

Francisco Assis atacava o Presidente da República, após o seu discurso de tomada de posse, pegando na crise internacional como o principal factor que nos conduziu até aqui. E eu pergunto: será? Não terá sido a gestão ruinosa que o Governo teve nas contas públicas? Não terá sido a desenfreada sangria de salvar bancos que não mereciam ser salvos mas sim fechados, com os seus responsáveis julgados pelos crimes cometidos? Não terá sido a demagogia de descer o IVA e subir os salários da Função Pública apenas como medida eleitoralista? Não terá sido também determinante a obsessão com um Estado Social mais caro do que o que o país pode pagar?

A mim parece-me que os nossos bancos estavam melhores que os irlandeses, o nosso Estado estava melhor organizado que o grego (apesar de demasiado grande)… pelo que a única razão para nos calhar o mesmo destino é incompetência do Governo. Posso não gostar nada de Cavaco mas tenho que lhe dar a razão numa coisa: temos, em cargos determinantes, demasiados políticos que não têm a mínima noção do país real.

Bem sabemos que em política há que “jogar”, mas quando se mente por sistema às pessoas, quando se esconde o real estado do país de todos… o resultado só pode ser este. Espanta-me que no PS não existam mais vozes críticas em relação a tudo isto. Espanta-me que não exista um candidato sério a disputar a liderança com o Engº Sócrates… eu, que nele votei por duas vezes, aqui garanto que não voltarei a fazê-lo. Não é por ser socialista que lhe prestarei vassalagem enquanto nos atira para a sarjeta.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A reportagem “Corrupção: Crime sem Castigo”, que passou ontem na SIC deixou-me profundamente abalado. Em boa verdade todos sabemos que em Portugal mandam PS e PSD e que no PS e PSD mandam as grandes empresas de construção /obras públicas e os principais escritórios de advogados. O que não sabíamos era que, entre todos os que mandam, não restava já uma pinga de vergonha ou decência.

O PS afunda-se com os casos que envolvem “boys” seus e que desacreditam todo o partido perante a opinião pública. Armando Vara e Rui Pedro Soares são dois exemplos flagrantes, mas há mais. Na minha opinião esta gente não pode continuar no poder, ignorando a opinião pública e contribuindo para que a revolta e repulsa interior das pessoas cresça até ao ponto em que todos os socialistas paguem a factura.

No PSD o tempo é de salvaguardar os interesses dos seus patrocinadores. É preciso a todo o custo impedir que sejam as empresas por trás do PS a construir o TGV e o Aeroporto. Quando chegarem ao poder serão os seus sponsors a construir essas, e outras, grandes obras e a reaver o investimento feito nas últimas campanhas.

Passos Coelho tem um discurso diferente. É preciso reconhecê-lo. Poderá ser apenas um “canto de sereia” que nos levará até à boca da armadilha… poderá até ser uma intenção séria e genuína. Ideologicamente Passos Coelho e Sócrates estarão separados por uma nesga mas a esperança, que os portugueses precisam como de pão para a boca, pende agora nitidamente para o lado do PSD. Os próximos tempos dirão se esta nova equipa “laranja” conseguirá ou não impor o seu cunho e quebrar com o sistema em vigor… outros recentes líderes não resistiram ao poder dos interesses que tentaram desafiar.

Ideologicamente. Ai está um verdadeiro palavrão! Nenhum homem sério deixa que a cortina da ideologia esconda por trás defeitos como os que temos hoje em dia no PS e PSD. Não me revejo na actual liderança do meu partido, apesar de a ter apoiado, porque falhou e porque tem sistematicamente traído a confiança dos seus eleitores com trafulhas, vigarices, mentiras e arranjos manhosos. Não me revejo no anunciado apoio do PS ao “candidato do Bloco de Esquerda” às presidências. Não acho que o país tenha alguma coisa a ganhar com a manutenção desta “canalha” no poder (e na oposição).

É tempo de surgir gente nova nos partidos ou até um novo partido, moderado, responsável e com um discurso de realidade. ISTO É UMA VERGONHA, MEUS SENHORES! Isto mata o partido, a política, a democracia e, em última análise, o país.

Autoria e outros dados (tags, etc)

À DERIVA...

24.02.10

 

No fundo, no fundo não deve haver um único português que acredite no que disse Sócrates antes de ontem na SIC. Mesmo os “seguidistas”, os que tentam salvar o “tacho” e os “fundamentalistas” do PS sabem, no seu íntimo, que não há coincidências… Ora os casos “Figo” e TVI são “coincidências muito grandes” e inconvenientes. Agora, por arrasto, até aqueles que acreditavam na tese da “cabala” contra o primeiro-ministro começam a ver com outros olhos o “Freeport”, a “licenciatura”, as “moradias da Covilhã” e as pressões aos jornalistas.
Sobre Figo nem vou falar... independentemente da qualidade enquanto jogador é bom que se lembrem que nunca foi conhecido por dar um "chouriço" sem que recebesse um "porco". Falem com os adeptos do Barcelona, eles explicam... Sobre Sócrates apenas digo que demonstra muito sobre o carácter de uma pessoa aceitar um apoio público pelo qual pagou (ainda por cima com dinheiro que não era seu)!!
Este primeiro-ministro e este Governo deixaram de ter condições para governar. Digo isto com a mesma convicção que me fez apoiar Sócrates em duas eleições seguidas. Como diz Keynes “Quando os factos mudam, eu mudo de opinião.” Pois, os factos mudaram e muitos daqueles que eram a base de sustentação (dentro e fora do PS) de Sócrates junto das massas retiram-lhe agora o tapete de forma irreversível.
Mas o pior nem é isso. O pior é que aquilo que agora “mata” Sócrates é no fundo aquilo que todos sabemos ser o dia-a-dia da nossa política. “Jobs for the boys”, aeroportos e auto-estradas para os amigos (e financiadores dos partidos), empresas com capital público a intrometer-se de forma pouco ética na iniciativa privada, etc… Tudo isto com uma Justiça anedótica onde apenas os “Bibis” são punidos e na qual ninguém acredita.
Que ninguém julgue que com o PSD será diferente pois o mal do país reside exactamente na forma como funcionam os partidos políticos. Desde as questões do financiamento partidário até à arreliante tendência para colocar os interesses dos partidos acima dos do país… tudo funciona mal.
O barómetro ideal para esta questão será a candidatura de Fernando Nobre à Presidência da República. Tenho para mim que provocará estragos e será capaz de reunir os descontentes, que sistematicamente se viam sem alternativas, de forma a provocar o debate interno e urgente nas esferas partidárias. No entanto não creio que seja Fernando Nobre a solução que procuramos, até porque é bem possível que esta sua candidatura seja mais uma das manobras de diversão de uma qualquer força política. A solução poderá passar pelo surgimento de uma nova força política, capaz de agregar todos os que não se revêem nos extremos nem nesta “monarquia em rotatividade” em que se transformaram PS e PSD, ou, no limite, por uma nova revolução…

Autoria e outros dados (tags, etc)




Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem o PDF do livro?

  • Anónimo

    mais um profeta da desgraça

  • António Duarte

    Para Marinho Pinto chegar a uns 15% não precisará ...

  • António Duarte

    Fico satisfeito por ver que o rapaz ainda está viv...

  • Raposo

    O que eu gostei mais da entrevista foi de saber a ...